Lojas Liberadas pra Meninas Plus Size!

Então, é claro que depois do babadaaaço de ontem – que, por sinal, foi complementado pelos comentários da Bia e da Mia corroborando o que a Mari disse, uma lista de lojas que sabidamente produzem peças acima de 44 começou a rolar nos comentários.

Então vou passar a limpo:

 

Renner, Leader – Tem peças até o 52, se não me engano. Nem sempre as modelagens favorecem, mas que tem, tem.

C&A – Taí, a C&A é estranha. Não tem seção maior, mas não tenho maiores problemas em comprar lá, a não ser jeans. Não importa a linha, os tamanhos da C&A geralmente são minúsculos em jeans! Os 46 de lá não passam da minha (enorme) bunda. Mas em outras roupas, eu não tenho maiores problemas. Calças, camisetas, blusas, vestidos… 44 e 46 são normais e tem muita coisa bacana.

De C&A dos pés a cabeça: calça sarouel de malha G (R$ 70), regata Maria Bonita para C&A GG (mas tá enorme, me arrependi de comprar GG, R$ 49,90), sandália nude (R$ 79)

Mercatto – Taí, eu tiro o chapéu pra Mercatto. Eles têm tamanhos justíssimos, o P é P, o M é M e o G é G. Os preços são ótimos e as roupas são lindinhas. O único problema é a qualidade, que deixa a desejar… Peças da Mercatto sempre descosturam, vestidos às vezes têm um caimento péssimo, embora no manequim estejam lindas. Eu fico de olho sempre no busto, pq as costuras de vestidos e blusas de lá geralmente ficam horríveis no peito!

Enjoy – Eu AMO a Enjoy… Principalmente maxi dresses. Meus vestidões da Enjoy são um arraso. Calças, no entando, never… Se bem que não cheguei a provar nada boyfriend ou sarouel de lá, desde que eu desencanei e passei a usar essas peças, caibo em muito mais coisas, hahahahaha!

X-Site – No Natal mesmo, ganhei uma saia de lá, que tá ENORME, e duas camisetas. A dica quem deixou foi a Flávia.

Twins – Essa loja é aqui de Niterói, tem na Gavião Peixoto e vive em feiras e bazares por aqui. Ela é bem barata, faz peças de malha. Tem peças de todos os tamanhos a preços mega acessíveis, MAAAS… Tem que garimpar. As “estilistas” de lá têm um PÉSSIMO gosto para estampas!

Wiggly – Mesmo caso da Twins, fica na Gavião tb.

Cori – Essa foi dica da Aline, a loja é de SP e eu não conheço!

Strike – Também não conheço, foi dia da Bia e tem coisas tamanho 50!

Malharia Mena – Tb dica da Bia, parece que é no centro do Rio!

Shoulder – Também desconheço, dica da Aline! É em Sp.

Opção – Essa é uma loja que eu acho que regrediu. Impressionante. Antes eu sei que eles faziam até o 48, agora acho que se “fashionizaram” e ficou td muito curto, muito pequeno… Uma pena. Mas Aline disse que ainda acha coisa 46 lá!

E as lojas onde não somos bemvindas:

Farm – Eu quase choro pra falar isso, porque eu acho as roupas de lá FANTÁSTICAS. As estampas alucinantes, tudo lindo, lindo… E minúsculo.

Cavendish – É outra loja que até as meninas magras vestem G.

Siberian – Eu não conheço a marca, mas me parece que é famosa e também segue a filosofia thin only.

E vamos aumentando essa lista! Podem postar dicas de lojas que trabalham com numeração grande e que não trabalham, a gente faz um guia! Adorei!

Vale lembrar que lojas que trabalham com GG já são um avanço e devem ser compartilhadas, néah?

Beijos, fui!

Anúncios

O Outro Lado da Moeda

A Mari, do http://contosmamaepolvo.blogspot.com, é um dos meus maiores referenciais de estilo. Saquem:

É absurdo o quanto essa mulher sabe sobre moda, e mais absurdo ainda como ela monta e interpreta. Porque saber sobre moda, qualquer um pode saber, mas estilo é de cada um e não é todo mundo que tem.

Pois bem. A Mari trabalhou durante muito tempo em uma loja MEGA famosa de roupas. Marca cara bagaray, dessas que a gente desembolsa fácil 300 pila num vestido, sabem?

E olha o que ela comentou no último post:

“Carolzita, vou te dizer um outro lado agora. Vc sabe, não sou gorda, mas não sou magérrima, acho que me enquadro no padrão mulher brasileira, rs. Visto 40 em uma média(poucos 38 e alguns 42) e as modelagens estão cada vez menores. A grande MAIORIA das lojas eu visto G! Sim, G! E nesse último natal comprei 2 blusas GG!!
Trabalhei 10 anos em loja, sendo a última de “grife” por 6 anos e meio e esta dizia para nós gerentes com todas as letras que não fazia roupa grande e nem iria fazer pq não queria gordinhas vestidas com a marca dela. Eu amaaaava atender as foras dos padrões, pq estas qdo uma peça cabia e vestia bem comprava todas da loja! Era venda certa! Por isso sempre reclamei muito p/aumentarem as modelagens p/vender mais, mas a dona da loja dizia que preferia ficar sem vender do que uma roupa dela ficar desforme em alguma gordinha. Triste, mas faziam roupas p/magérrima, pq até as magras hj vestem tamanho grande!O mesmo para sapato. Diziam que sapato grande fica feio na mulher de pézão. Lembro até hj de um de piton que custava 700pilas e só veio até 37!  Se tivesse outros números maiores teria vendido muuito! Mas não… é chocante!
Bastidores de loja é isso aí! Eles poderiam, mas não querem!”

Entenderam agora o motivo pelo qual a gente não encontra nada que caiba nessas lojinhas mega prestigiadas de shopping??? ABSURDO, GENTE! Que porra é essa?!

Por motivos óbvios, não posso falar o nome da loja. Mas podemos fazer o contrário, divulgar nomes de lojas que NÃO seguem essa filosofia ridícula e estúpida e torcer pra que as donas dessas lojinhas de merda tenham vários problemas de tieróide e engordem toneladas, pra que sintam na pele como a gente – e mesmo gente nem tão gordinha assim – se sente. #gordinhavingativafeelings

Quem quiser deixar dicas de lojas boas e que não se enquadrem no padrão acima, vou achar o má-xi-mo!

bjofui