15 Motivos para Toda Mulher ter um Melhor Amigo Gay

Uma das coisas mais divertidas que qualquer mulher pode fazer é ter uma amigo – de preferência, um melhor amigo – gay. Pode ser só “homo”, do tipo que só quebra o pescoço entre amigos; pode ser enrustido, do tipo que ainda não saiu do armário nem pra ele mesmo – mas todo mundo já percebeu; pode ser do tipo bicholeta-eta-eta, que é bicha, totalmente mona, nem aí pra nada; pode ser traveco; enfim, um amigo que goste de outros amigos.

Eu, como boa representante da espécie “mulher-extrovertida-loira-boca-suja” que sou, já tive amigos de todos os tipos citados acima. E um, em especial, meu melhor amigo, que é tudo acima ao mesmo tempo. Hahhahaha. Menos traveca. Quer dizer, entre 4 paredes, não sei. Mas fora, o Di faz o estilo gay executivo, adooooro.

E foi com ele que eu aprendi todas essas coisas abaixo, e foi morrendo de saudades e pensando desesperadamente nele que eu resolvi escrever um manualzeenho sobre o quanto ter um melhor amigo gay é vantajoso e maravilhoso para qualquer mulher que se preze!

1 – Já dizia minha vó: um amigo gay não vai dar em cima de vc. E vc não precisa ser uma mulher linda e maravilhosa pra sofrer com problemáticos amigos heterossexuais; basta que eles estejam carentes e vc de calcinha. Gays vêm automaticamente isentos deste problema. Desfile da calcinha, tome banho, mostre os peitos, se depile, faça O QUE QUISER, meu amor – ele não vai demonstrar NENHUMA reação fisiológica, se é que vc me entende. E o único feedback que ele pode demonstrar por te ver pelada é uma ligeira cara de repulsa e asco acompanhada de algum comentário do gênero: “Argh, como tem alguém no mundo que gosta dessa… Dessa… Lasanha viva???”, se referindo a sua genitália. É a paz no mundo.

2 – Ele também não vai dar em cima do seu namorado. Bem, pode ser até que dê, pq amigos gays têm um certo instinto protetor quanto às melhores amigas, e costumam, SIM, testar os namoradeenhos das protegidas… Mas isso não será um problema se o cara for hetero mesmo. O cara vai te contar. E o amigo tb. “Ele deu em cima de mim!”, “Eu dei em cima dele, ele não reagiu. Aprovado.” Se só o amigo contar e o cara não disser nada… Sai fora que essa faca corta pros dois lados. E o amigo vai contar assim: “Amor… Sai fora desse cara, vai. Ele não é pra vc. Furada na certa. E põe furo nisso.”

3 – Amigas bibas estão para nós, mulheres, assim como melhores amigos héteros, homens, estão um pro outro. Eles vão a jogos de futebol; nós e as bibas vamos a salões de beleza. Eles dão notas para mulheres gostosas que passam na rua; nós e as bibas damos notas para homens que passam em qualquer lugar. Eles falam de carros e fórmula 1, nós falamos de cabelo, maquiagem, Alinne Moraes, Bruno Gagliasso…

4 – Amigos gays são as únicAs amigAs que vão ouvir Michael Bublé com você, tomando Champagne e comendo morangos, rodopiando pela casa e NUNCA, mas NUNQUINHA, vão te chamar de brega por isso. Amigos héteros, namorados e maridos, nunca farão uma coisa dessas. Amigas mulheres dificilmente farão e, se fizerem, vai ser de má vontade.

5 – Nenhuma outra classe de amigo é capaz de combinar com você um personagem pra sair. “Hoje eu sou Rory Gilmore e vc é a Beyoncé, tá?”

6 – Só amigas bibas sabem de cór e salteado falas de seriados de TV.

7 – Amigas bibas não só te ligam pra avisar de promoções como, na sua impossibilidade de comparecer, se metem em plena Arezzo pra disputar a tapa com uma loira aguada a ultima sandália caramelo que vc tanto queria e que está com 70% de desconto…e te dão de presente!

8 – Não adianta: só gays sabem apreciar um bom jogo de xícaras ou canequinhas fashion e servir um maravilhoso café com um toque de amêndoas torradas em plena segunda ás 18h30 da tarde, só pra vocês dois se sentirem chiques em casa.

9 – Com quem mais seria possível tomar drinques como Alexander se até as amigas mulheres acham que isso é coisa de bicha?

10 – Com eles você pode brincar de cena de filme. Coisa que vc tenta fazer desde os onze anos com suas amigas, mas elas não curtem mais…

11 – Se você estiver gorda, eles vão dizer. Se a roupa não estiver combinando, eles vão dizer. Se o cabelo estiver feio, eles vão dizer. Acontece que se as respostas pra todas essas coisas forem “SIM, você está gorda, com a roupa feia e o cabelo horrível”, eles SABEM o que fazer. Leia-se: sabem que roupas vão te deixar mais magra e ressaltar os peitos da melhor maneira e sabem arrumar cabelo como ninguém.

12 – N-I-N-G-U-É-M é melhor pareceiro no UNIVERSO pra brincar de Mímica que um amigo bicha. Ninguém. O nome do filme pode ser “Hellraiser, Renascido do Inferno”, que ele VAI te passar de alguma maneira. E com um toque teatral que nem Ney Matogrosso é capaz de dar!

13 – Você só poderá cantar e dançar Britney Spears em frente ao espelho se for com um amigo bicha.

14 – Amigos gays acham o máximo ir pra cozinha com vc fazer uma receita complicadérrima de salada de endívias selvagens com rúcula do agreste, tomate cereja e queijo de cabra velha acompanhada de um arroz arbóreo ao molho de funghi tunghi minghi e carne de égua do deserto grelhada com paetês e alcaparras, e de sobremesa tiramissu de café javanês e chocolate belga… passar um dia inteiro na cozinha pra fazer isso, colocar uma mesa MARAVILHOSA com a baixela de prata e a louça da Lituânia… Só pra colocar a primeira garfada da salada na boca e praticamente vomitar no prato, deixar tudo de lado e ir pro sofá da sala comer o tiramissu direto da travessa vendo Friends. NÃO TEM PREÇO.

15 – E, pra terminar: só um amigo gay, e NINGUÉM mais no mundo, consegue te fazer rir como uma hiena em situações SURREAIS como, sei lá, TPM + término de namoro + demissão do emprego + oito kg a mais + morte de parente. JURO.

Aaaaaaaai, Diego Bacellaaaaaaar! Que saudaaaaaaaaaaaaade!!!!

Anúncios

Pensamentos Noturnos

AHahoauhaouah! Vão achar que se trata de sexo.

Que nada.

Dormindo desde as oito, deu duas e acordei… Vai sair algo que preste? C acha, honey?

“Tá. Quando der duas e meia eu durmo.”

“Fome da poooorra! #fatpridefeelings”

(ao abrir a geladeira pra comer alguma coisa)

“Caralho, tenho que tirar esse feijão daí. Ele está criando raízes.”

“Duzentos gramas de queijo branco são absolutamente diferentes de duzentos gramas de queijo prato fatiado. O branco rende MUITO menos.”

(lembrando de uma panela de pressão fechada com um estrogonofe que fiz há uns VINTE DIAS, que não tive coragem de abrir pra lavar e escondi lá no banheiro de empregada)

“Puta merda! A panela… Ela, sim, deve ter criado raízes e estar enorme e frondosa como um bouganville”

“Ish! Duas e meia! Tá. Qdo der tês em ponto eu durmo.”

“Bouganville é bem nominho de condomínio em Pendotiba, Itaipu… Ou de prédio novo no Jardim Icaraí.”

“Ih. @leojaime vai “jantar”

“Ish! Três e onze! Quando der três e meia eu durmo.”

“Que será que aconteceu com aquelas lésbicas do T.A.T.U.?”

“Ih! Três e meia! Vou. Pq às quatro Isabela acorda.”

As Doenças e Suas “Causas”

Recebi este e-mail hoje:

Vale a pena ler e refletir

Segundo a psicóloga americana Louise l. Hay, todas as doenças que temos são criadas por nós.
Afirma ela, que somos 100% responsáveis por tudo de ruim que acontece no nosso organismo.
Todas as doenças tem origem num estado de não-perdão, diz a psicóloga americana Louise L. Hay.
Sempre que estamos doentes, necessitamos descobrir a quem precisamos perdoar.
Quando estamos empacados num certo ponto, significa que precisamos perdoar mais..
Pesar, tristeza, raiva e vingança são sentimentos que vieram de um espaço onde não houve perdão.
Perdoar dissolve o ressentimento.
A seguir, você vai conhecer uma relação de algumas doenças e
suas prováveis causas, elaboradas pela psicóloga Louise.

Reflita, vale a pena tentar evitá-las

DOENÇAS / CAUSAS

AMIDALITE: Emoções reprimidas, criatividade sufocada.
ANOREXIA: Ódio ao externo de si mesmo.
APENDICITE: Medo da vida. Bloqueio do fluxo do que é bom..
ARTERIOSCLEROSE: Resistência. Recusa em ver o bem.
ARTRITE: Crítica conservada por longo tempo.
ASMA: Sentimento contido, choro reprimido..
BRONQUITE: Ambiente famíliar inflamado. Gritos, discussões.
CÂNCER: Mágoa profunda, tristezas mantidas por muito tempo.
COLESTEROL: Medo de aceitar a alegria.
DERRAME: Resistência. Rejeição à vida.
DIABETES: Tristeza profunda..
DIARRÉIA: Medo, rejeição, fuga.
DOR DE CABEÇA: Autocrítica, falta de autovalorização.
DOR NOS JOELHOS: medo de recomeçar, medo de seguir em frente
ENXAQUECA : Raiva reprimida. Pessoa perfeccionista.
FIBROMAS: Alimentar mágoas causadas pelo parceiro (a).
FRIGIDEZ: Medo. Negação do prazer.
GASTRITE: Incerteza profunda. Sensação de condenação.
HEMORRÓIDAS: Medo de prazos determinados. Raiva do passado
HEPATITE: Raiva, ódio. Resistência a mudanças.
INSÔNIA: Medo, culpa.
LABIRINTITE: Medo de não estar no controle.
MENINGITE: Tumulto interior. Falta de apoio..
NÓDULOS: Ressentimento, frustração. Ego ferido.
PELE (ACNE): Individualidade ameaçada. Não aceitar a si mesmo.
PNEUMONIA: Desespero. Cansaço da vida.
PRESSÃO ALTA: Problema emocional duradouro não resolvido.
PRESSÃO BAIXA: Falta de amor quando criança. Derrotismo..
PRISÃO DE VENTRE: Preso ao passado. Medo de não ter dinheiro suficiente..
PULMÕES: Medo de absorver a vida.
QUISTOS: Alimentar mágoa. Falsa evolução.
RESFRIADOS: Confusão mental, desordem, mágoas..
REUMATISMO: Sentir-se vitima. Falta de amor. Amargura.
RINITE ALÉRGICA: Congestão emocional. Culpa, crença em perseguição.
RINS: medo da crítica, do fracasso, desapontamento.
SINUSITE: Irritação com pessoa próxima.
TIREÓIDE: Humilhação.
TUMORES: Alimentar mágoas. Acumular remorsos.
ÚLCERAS: Medo. Crença de não ser bom o bastante.
VARIZES: Desencorajamento.. Sentir-se sobrecarregado.

Curioso não?
Por isso vamos tomar cuidado com os nosso sentimentos…principalmente
daqueles, que escondemos de nós.
‘Quem esconde os sentimentos, retarda o crescimento da Alma’.
“Todos os medos e todos os sofrimentos infinitos vêm da mente”(Buda)”

E, a seguir, a mesmíssima lista, só que comentada por mim. Lógico. Afinal, é MEU blog e eu faço o que quiser, certo?


AMIDALITE: Emoções reprimidas, criatividade sufocada. ->O_O
ANOREXIA: Ódio ao externo de si mesmo. -> Não diga!!! “Ódio ao externo de si mesmo”??? Ou seja, anoréxicos têm ódio de seu próprio corpo?? NÃO DIIIIIGA!!!
APENDICITE: Medo da vida. Bloqueio do fluxo do que é bom.. -> Profundo, isso.
ARTERIOSCLEROSE: Resistência. Recusa em ver o bem. -> Recusa em ver o bem? Depósitos de gordura nas artérias vêm de RECUSAS DE VER O BEM?? Puta que me parola..
ARTRITE: Crítica conservada por longo tempo. -> Se liga, vó! A senhora ficou conservando essa crítica aí, olha o que deu…
ASMA: Sentimento contido, choro reprimido.. -> Caralho, a pessoa mais asmatica que já vi na vida era também a mais chorona.
BRONQUITE: Ambiente famíliar inflamado. Gritos, discussões. -> Curiosamente, Isabela tem mais bronquite quando meu marido e eu estamos melhor do que nunca. Bem, talvez ela confunda gemidos com discussões… hehehe… if you know what I mean…
CÂNCER: Mágoa profunda, tristezas mantidas por muito tempo. -> Aham. Diga isso a todas as pessoas com cêncer no mundo.
COLESTEROL: Medo de aceitar a alegria. -> PORRA, MEDO DE ACEITAR A ALEGRIA?? É a coisa mais nonsense que já li.

DERRAME: Resistência. Rejeição à vida. -> O_O

DIABETES: Tristeza profunda.. -> “A merda bate na água e a água bate na bunda…”…PORRA, TRISTEZA PROFUNDA??
DIARRÉIA: Medo, rejeição, fuga. -> HAAAAAAAAAAAAAAUOAUHAUHAUHAOAHUAOUAUH! é…
DOR DE CABEÇA: Autocrítica, falta de autovalorização. -> Dor de cabeça pode ser qualquer coisa, honey.
DOR NOS JOELHOS: medo de recomeçar, medo de seguir em frente -> Claro; recomece um caminho ou siga em frente uma maratona com dor nos joelhos, pra ver como é…
ENXAQUECA : Raiva reprimida. Pessoa perfeccionista.-> Totalmente subjetivo, isso. Qq um com enxaqueca fica com raiva.
FIBROMAS: Alimentar mágoas causadas pelo parceiro (a). -> O_O
FRIGIDEZ: Medo. Negação do prazer. -> A coisa mais óbvia da vida da pessoa…
GASTRITE: Incerteza profunda. Sensação de condenação. -> Incerteza PROFUNDA… Sem comentários.
HEMORRÓIDAS: Medo de prazos determinados. Raiva do passado -> Raiva de ter comido, né? Afinal de contas, se não comesse não cagava,certo?
HEPATITE: Raiva, ódio. Resistência a mudanças. -> Aham.
INSÔNIA: Medo, culpa. -> Medo, culpa e muito mais. Contas a pagar, dor de cabeça… Tudo isso dá insônia.
LABIRINTITE: Medo de não estar no controle. -> Sim, no controle da própria cabeça, que insiste em girar, certo?
MENINGITE: Tumulto interior. Falta de apoio.. -> TUMULTO INTERIOR… Alguém pode esclarecer o que ela quis dizer com isso??
NÓDULOS: Ressentimento, frustração. Ego ferido. -> Ego ferido dá nódulos. Jesusss.
PELE (ACNE): Individualidade ameaçada. Não aceitar a si mesmo. -> Vou falar isso pra uma meia dúzia de amigas minhas. Vamos ver como reagem.
PNEUMONIA: Desespero. Cansaço da vida. -> Ahaaaam.
PRESSÃO ALTA: Problema emocional duradouro não resolvido. -> O_O
PRESSÃO BAIXA: Falta de amor quando criança. Derrotismo.. -> MELHOR DE TODAS!!! Meu Deus!
PRISÃO DE VENTRE: Preso ao passado. Medo de não ter dinheiro suficiente.. -> Sim, preso ao passado. Ao pudim que comeu. Ao arroz do almoço. Medo de não ter dinheiro pra comer de novo.
PULMÕES: Medo de absorver a vida. -> Tô pasma.
QUISTOS: Alimentar mágoa. Falsa evolução. -> FALSA EVOLUÇÃO…O_O
RESFRIADOS: Confusão mental, desordem, mágoas.. -> Aham, e VÍRUS são coisas do passado, certo?
REUMATISMO: Sentir-se vitima. Falta de amor. Amargura. -> O_O
RINITE ALÉRGICA: Congestão emocional. Culpa, crença em perseguição. -> CRENÇA EM PERSEGUIÇÃO?
RINS: medo da crítica, do fracasso, desapontamento. -> Pourrra!
SINUSITE: Irritação com pessoa próxima. -> Ouviu, Flavinha?? Otto tá puto contigo!!! Houauoauauoauo!
TIREÓIDE: Humilhação. -> Cacete.
TUMORES: Alimentar mágoas. Acumular remorsos. -> Buçanga.
ÚLCERAS: Medo. Crença de não ser bom o bastante. -> Caralhos alados!
VARIZES: Desencorajamento.. Sentir-se sobrecarregado.-> O_O

Porra! Alguém tira o baseado dessa psicóloga??? RELAXA, minha filha, e pára de viajar na batata!!!